She Believes Cup tem 3 campeãs do Orlando Pride com os Estados Unidos

Nesta quarta-feira (11) o time feminino dos Estados Unidos se tornou campeão da She Believes Cup 2020. Em formato de pontos corridos, a vitória por 3 a 1 contra a seleção japonesa garantiu o título às americanas. Oriundas do Orlando Pride, Ali Krieger (35), Ashlyn Harris (34) e Emily Sonnett (26) integraram o elenco de Vlato Andonovski, treinador da equipe.

A partida que ocorreu no Toyota Stadium, no Japão, consagrou mais um título para a seleção americana feminina. Com gols de Megan Rapinoe, Christen Press e Lindsay Horan, as visitantes retornam da Ásia com seu 3º título em quatro edições do torneio.

Retorno

O trio de jogadoras do Orlando Pride retornará à Flórida para a apresentação da equipe, e de vez integrar o plantel para a pré temporada. Recém chegada do Portland Thorns, Emily Sonnett estreará pelo Orlando em breve. A jogadora já soma 45 partidas pela seleção estadunidense, desde 2015.

A experiente defensora Ali Krieger fará sua terceira temporada no Orlando Pride. Desde 2017 no time, a lateral direita e zagueira, tem vasto currículo na seleção nacional, onde atua desde 2008. Krieger há um ano é casada com sua companheira de equipe, Ashlyn Harris, a goleira que também fez parte da seleção campeã da She Believes Cup.

Mais antiga do trio a integrar o clube, Ashlyn está desde 2016 em Orlando, por onde soma 65 partidas oficiais. Há sete anos na seleção, a jogadora junta de Emily e Ali, são as atuais campeãs do mundo com a seleção americana também.

Deixe aqui o seu comentário!

Comentários

Attachment

Gabriel Oliveira

gabrieloliveira

Jornalista carioca, 22 anos. Com experiências em matérias esportivas, possui mais de 150 artigos publicados na Vavel Brasil, por meio das editorias de futebol do Rio de Janeiro, São Paulo, pautas internacionais e cobertura da seleção brasileira.

PATROCINADORES